OS PRINCÍPIOS QUE SUSTENTAM A CONSOLIDAÇÃO



Prs. Tony Leno e Márcia Ribeiro

Texto: “Disse-lhes: Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens.” Mt 4:19

Introdução: Quando Jesus chamou a alguns dos seus discípulos disse-lhes que os mesmos iriam ser

pescadores de homens. Mas para isso, temos que trabalhar em equipe, pois fazer com que as almas não se percam não é um trabalho só do Pastor, mas de todos nós, pois somos a Igreja de Cristo na Terra. O sucesso da consolidação não depende só de um homem, mas de toda a equipe.
Em Atos capítulo 2 vemos uma equipe trabalhando na consolidação e isto nos servirá de ensino para

o processo de uma boa consolidação.



I – A primeira coisa que fizeram foi verificar a entrega

1- Em At 2:41, diz que os que receberam a Palavra foram batizados.
Na época da igreja primitiva se comprovava a entrega genuína de uma pessoa por meio de se
arrependimento, ao confessar os seus pecados e descer às águas do batismo.
Em At. 2:38, diz que o arrependimento era necessário para o perdão dos pecados.


DIGA: VERIFICAR A ENTREGA IMPLICA EM LEVAR O NOVO CONVERTIDO A

VENCER SEUS PRECONCEITOS E REAFIRMAR SUA DECISÃO.

II – Segunda coisa foi doutrinar os novos convertidos.

1- Em At. 2:38, diz que eles perseveravam na doutrina dos apóstolos e eles não desistiam de
ensinar seus discípulos. Em At. 2:46-47, diz que tinham o favor dos que tinham aprendido dos
seus consolidadores.
DIGA: DOUTRINAR É FAZER DOS ENSINAMENTOS UM ESTILO DE VIDA

III- A terceira coisa foi desenvolver companheirismo

1- Em At. 2:42, diz “perseveravam na comunhão uns com os outros”. O homem por natureza é um
ser social que necessita dos demais para desenvolver-se, é trabalho do consolidador
proporcionar o ambiente adequado para que o seu discípulo encontre alegria e prazer em
pertencer à família de Deus.

2- Em Lc 8:4-15, nos fala da parábola do semeador e diz que houve uma semente que não
encontrou lugar adequado para ficar firme com isso acabou secando. Isso muitas vezes acontece
com os novos convertidos que não encontram na Igreja uma boa recepção.
IV- A Quarta coisa foi vida de oração.

1- Em At. 2:42, diz que “perseveravam nas orações” os discípulos eram de oração. É óbvio que

eles ensinavam os novos crentes a praticá-la como estila de vida.


DIGA: A ORAÇÃO MOVE A MÃO DE DEUS, LIBERA SEU PODER E NOS TRAZ

UNÇÃO E O RESPALDO NECESSÁRIO PARA VERMOS BONS RESULTADOS

Conclusão: Os princípios aplicados pela igreja primitiva para haver uma excelente consolidação foi

verificar a entrega, doutrinar os novos crentes, companheirismo e oração, praticando estes
princípios vamos começar a viver o que está escrito em At. 2:47. “E a cada dia o Senhor
acrescentava-lhes os que iam sendo salvos”.
Isto demonstra um crescimento contínuo. Se aplicarmos estes mesmos princípios teremos
exatamente os resultados que teve a igreja primitiva.

You can leave a response, or trackback from your own site.
Powered by Blogger