A voz e o ator - Estudos/Teatro


Inflexões


A voz é o retrato da personalidade do indivíduo.

Tudo que é sentido, reprimido, extravasado ou vivido por uma pessoa, é capaz de ser percebido pela voz.

De que forma isto acontece? Como pode a palavra dizer uma coisa e o som outra?

Através das inflexões. A melodia crescente ou decrescente que se faz, determina o que vai na alma do falante.

Por exemplo, quando se quer pedir alguma coisa ou fazer um “dengo”, costuma-se usar maior nasalidade; se quiser demonstrar aborrecimento, a voz sairá fria, seca e assim por diante.

Juntamente com as expressões faciais, o tom vocal reflete as emoções e sensações humanas.

Uma voz colorida ou clara, é rica em inflexões, já uma voz escura ou opaca, tem uma linha melódica pobre.

O ator utiliza-se de variações vocais constantemente para o engrandecimento do seu trabalho. Talvez, até o segredo de uma boa interpretação, esteja na correta ou adequada inflexão de palavras e frases.

É preciso que ele tenha sensibilidade para perceber as intenções do autor de determinado texto. A partir do momento que ele entender que emoções deverão ser passadas para o público, o texto decorado ganhará verdadeiramente, vida.




You can leave a response, or trackback from your own site.
Powered by Blogger